fbpx

Exame de Bioimpedância

A bioimpedância é um exame que analisa a composição corporal, indicando a quantidade aproximada de músculo, osso e gordura.

Esse exame é muito utilizado em academias e complemento em consultas de nutrição para avaliar os resultados do plano de treino ou da dieta, e pode ser realizado a cada 3 ou 6 meses para se comparar resultados e verificar alguma evolução da composição corporal.

Como funciona o exame?

Os aparelhos de bioimpedância conseguem avaliar sua composição corporal por meio dos seguintes indicadores:

1. MASSA GORDA: A quantidade de massa gorda pode ser dada em % ou em Kg, dependendo do tipo de aparelho.

2. MASSA MAGRA: O valor de massa magra, normalmente é mostrado em Kg e indica a quantidade de músculo e água no organismo.

3. MASSA MUSCULAR: Essa informação pode ser dada em Kg de músculo ou porcentagem. A quantidade de massa muscular mostra apenas o peso dos músculos dentro da massa magra, sem contar com a água e outros tecidos corporais, por exemplo. Neste tipo de massa, também estão incluídos os músculos lisos de alguns órgãos, como o estômago ou o intestino, assim como o músculo cardíaco.

4. HIDRATAÇÃO: Este valor é muito importante para saber se o organismo está bem hidratado, o que garante a saúde dos músculos, evita câimbras, rupturas e lesões, garantindo uma melhora progressiva na performance e nos resultados do treino.

5. GORDURA VISCERAL: A gordura visceral é a quantidade de gordura que está armazenada na região abdominal, em redor dos órgãos vitais, como coração. Embora a presença de gordura visceral ajude a proteger os órgãos, o excesso de gordura é prejudicial e pode provocar várias doenças, como pressão alta, diabetes e, até, insuficiência cardíaca.

6 . TAXA DE METABOLISMO BASAL: O metabolismo basal é a quantidade de calorias que o corpo gasta para funcionar, e esse número é calculado com partir da idade, sexo e atividade física que se introduz na balança. Conhecer este valor é muito útil para pessoas que estão fazendo dieta saberem quanto tem que comer a menos para emagrecer ou quantas calorias a mais devem ser ingeridas para engordar.

7. DENSIDADE ÓSSEA: O valor de densidade óssea, ou peso ósseo, deve ser constante ao longo do tempo para garantir que os ossos estão saudáveis e acompanhar a evolução da densidade óssea, sendo por isso muito importante para avaliar os benefícios da atividade física em idosos ou pessoas com osteopenia ou osteoporose, por exemplo, uma vez que a prática regular de exercício físico permite fortalecer os ossos e, muitas vezes, tratar a perda de densidade óssea.

 

 

E você está esperando o quê para conhecer o seu corpo de verdade?